Make your own free website on Tripod.com
Notícias Atuais
Pesquisas
Principal

 

visitas desde 10/outubro/2001

Notícia de 20 de agosto de 2001

IRAÍ - IAP exige que Sanepar retire lixo

Fonte - Gazeta do Povo

Após uma intimação do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), que exigia da Sanepar uma limpeza completa da barragem do Iraí num prazo de 15 dias, ontem a empresa começou a limpar o local. A intimação foi emitida após a vistoria dos técnicos do órgão ambiental, para verificar a presença de lixo hospitalar na beira da barragem.
Caso a Sanepar não recupere a área no prazo estabelecido, estará sujeita a receber multa do IAP.
De acordo com o coordenador da Diretoria de Controle e Recuperação Ambiental, José Luiz Bolicenha, os técnicos do órgão constataram que o lixo presente na barragem é muito antigo. Ele diz que foi encontrado no local vidros, latas, plásticos, além de seringas de uso veterinário e também humano. "Com certeza o lixo não vem do hospital, como se suspeitava. Nós acreditamos que os resíduos já estivessem na área antes da inundação da represa", explica.
O IAP constatou também a existência de dois pontos que podem estar despejando esgoto na barragem — um próximo ao Hospital Afonso Botelho e outro na altura da Estação de Tratamento Patrícia. "Porém, antes de afirmarmos que existe a presença de esgoto no local, nós coletamos água para análise", justifica. Os resultados dos exames devem ficar prontos em cerca de 10 dias.
A assessoria de imprensa da Sanepar informou que o trecho mais crítico que tinha lixo foi totalmente limpo ontem. A empresa diz que cerca de duas toneladas de resíduos foram retirados do local. O outro ponto, localizado nos fundos do hospital, que tem lixo acumulado será limpo hoje.