Make your own free website on Tripod.com

Notícia de 07 de junho de 2000

Primeira usina será instalada em Araucária

Fonte - Gazeta do Povo

Termelétrica vai atender as indústrias da Grande Curitiba.

O governador Jaime Lerner e diretores da empresa UEG Araucária - sociedade limitada constituída pela El Paso Energy International, Copel e Gaspetro - anunciam hoje o início das obras da primeira usina a gás natural do Estado, no município de Araucária. A termelétrica, que utilizará o gás natural da Bolívia, terá potência de 480 MW, o suficiente para atender uma população equivalente a de três municípios como Londrina.

A termelétrica vai atender indústrias da Região Metropolitana de Curitiba, utilizando o gás natural fornecido pela Bolívia. Serão investidos R$ 550 milhões na sua instalação. Durante a fase de construção serão abertas 600 vagas de trabalho e, quando estiver funcionando, a usina vai gerar 60 empregos diretos.

A UEG Araucária integra o Programa Prioritário das Termelétricas, do Governo Federal, que prevê a construção de 49 usinas até o ano 2003. Cinco delas ficarão no Paraná. O objetivo do programa é acrescentar ao sistema elétrico brasileiro 15 mil MW de potência, e criar, na primeira fase de construção, cerca de 25 mil empregos diretos em todo o País.

A termelétrica de Araucária vai absorver 2,1 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia, o que a tornará a maior consumidora da Companhia Paranaense de Gás. A Compagás, por sua vez, será a primeira distribuidora de gás natural do Brasil a assinar contrato com uma usina do programa emergencial do Governo Federal. A usina deve entrar em operação em 2002. Um acordo de compra de potência, formalizado entre a UEG Araucária e a Copel, já foi autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica. A energia gerada na usina a gás será vendida para a Copel, que a injetará no seu sistema interligado.

visitas desde 10/out/2001

Outros Assuntos

Principal